Recrutamento via internet: veja dicas para se destacar em um processo de seleção digital

Ri Happy é uma das empresas com oportunidades para a Bahia; são 3 mil vagas temporárias em todo país.

0
87

Aquele processo de recrutamento em você ficava cara a cara com o entrevistador, enquanto ele avaliava o seu currículo, está com os dias contados.

Pelo menos é o que adverte a tecnologia. Cada vez mais as empresas estão aderindo ao processo de seleção digital em que ferramentas de inteligência artificial ajudam a identificar esses perfis.

A Revelo, plataforma de recrutamento digital, é uma das chamadas HR Techs, startups de Recursos Humanos que estão conquistando o mercado. Atualmente, são 2 mil empresas em todo o país que utilizam ou já utilizaram a plataforma em seus processos seletivos digitais.

“A tendência é que cada vez mais empresas passem por processo de transformação digital. O nosso Machine Learning avalia o cadastro e currículos e compara com o que recebemos de informação das empresas. Fazemos assim um ranking das atribuições dos candidatos, mediante o que elas sinalizam valorizar mais”, pontua o chefe de vendas da Revelo, Alberto Lopes.

As empresas são atraídas pela maior assertividade e agilidade do processo seletivo na busca de talentos. Startups pequenas e médias, até Unicórnios (cujo valorização supera R$ 1 bilhão)  e grandes empresas nacionais e multinacionais estão entre os clientes. “Utilizar métodos tradicionais vem se mostrando como uma opção de baixo aproveitamento, principalmente para candidatos altamente demandados e de difícil acesso. Por isso, o uso de uma ferramenta com alta tecnologia, onde a triagem prévia foi realizada e testes técnicos já foram aplicados, vem ganhando mais força”.

E o currículo de papel?

Empresas como a rede de lojas de brinquedos Ri Happy, por exemplo, estão entre as que passaram a aderir ao recrutamento digital. Atualmente, a Ri Happy está com a oferta de 3 mil vagas temporárias para o Dia das Crianças. Dessas, 95 são para a Bahia.

“As etapas online de recrutamento possibilitam uma maior eficiência em nossas dinâmicas presenciais. Até o ano passado, o grupo Ri Happy realizava convocação de candidatos e aprovava presencialmente somente 20% dos que compareciam”, afirma a diretora de Recursos Humanos do grupo, Elisabete Figueiredo.

Ainda de acordo com a gestora, as etapas online aumentaram em 55% o aproveitamento nas funções temporárias e 78% para vagas efetivas. Após o Dia das Crianças, mais da metade dos contratados deve voltar a trabalhar no Natal e, pelo menos 30%, serão efetivados.

O candidato tem até o dia 28 de setembro para se inscrever no site www.rihappy.com.br/vagastemporarias. A partir daí, ele vai ser submetido a uma prova online antes de passar para a dinâmica de grupo que será presencial. “A transformação digital do processo é um caminho sem volta. A Ri Happy tende a aumentar essa eficiência, incluindo inteligência artificial no processo para identificarmos nossos talentos e aderência à cultura”.

Diferencial
Para que o candidato possa sair na frente, a especialista em Recursos Humanos da aceleradora Organica Joice Maciel orienta que ele seja criativo e pense “fora da caixa”. “Ao participar de processos seletivos, não escolha as respostas e caminhos óbvios, mostre sua originalidade e capacidade de oferecer novas perspectivas. Essa é uma habilidade que irá te dar destaque”, aconselha.

Para Joice, o  foco de recrutamento mudou. “As grandes empresas estão buscando um conjunto de competências da Nova Economia: multifuncionalidade, mentalidade digital, entre outros pontos que não podem ser captados em um currículo e, muitas vezes, nem mesmo na entrevista”.

O consultor de seleção da Wyser, consultoria especializada em recrutamento e seleção de executivos para média e alta gerência da Gi Group, Roni Martins concorda: “Ferramentas como games e Inteligência Artificial permitem avaliar o candidato por desempenho e habilidade de lidar com desafios, independentemente da idade, sexo, cultura, formação acadêmica. Com isso, o candidato se destaca pelas habilidades e talento, em vez da faculdade em que se formou ou onde trabalhou”.

Outra dica é se preparar para o processo. “Uma boa conexão com a internet, seja por celular, tablet ou notebook, faz a diferença. Em entrevistas por Skype e entrevistas gravadas, por exemplo, demonstre com autenticidade suas competências comportamentais e técnicas”, completa.

CINCO PONTOS IMPORTANTES SOBRE A SELEÇÃO DIGITAL

1. Cadastro  Nos modelos mais usuais, o cadastramento do candidato é feito em uma plataforma de vagas ou rede social profissional.

2. Inteligência Artificial Essas ferramentas usam algoritmos de pesquisa para localizar profissionais ou a re-
solução de testes técnicos, lógicos e comportamentais, que geram scores para ranquear os perfis mais compatíveis com as necessidades da vaga.

3. Outros modelos  Nos recrutamentos mais sofisticados pode ser exigido também  a resolução de cases através de gamificação (jogos) ou gravação de vídeo-currículos que permitem avaliar habilidades em gestão e tomada de decisão.

4. Diferenças em relação a seleção tradicional  A interação humana é menor em algumas etapas de um processo digital. A tecnologia é o mediador e capta objetivamente e de maneira ágil pontos que poderiam não aparecer em uma entrevista comum. O candidato que chega até essa fase após as etapas digitais será aquele que já atingiu um alto nível de compatibilidade com a posição que deve ocupar e com a empresa.

5. O que as empresas procuram  Em um mercado de trabalho onde é quase impossível sobreviver sem algum conhecimento digital, é preciso saber usar a tecnologia a seu favor. As empresas que optam por esse tipo de seleção buscam profissionais inovadores, criativos  e com qualidades pessoais. É cada vez maior também o interesse por perfis de profissionais que a empresa possa se conectar a nível de propósito e valores.

COMO SE SAIR BEM E CONQUISTAR SUA VAGA

Use Palavras-Chave Muitos recrutadores e softwares  fazem buscas a partir de palavras específicas para localizar esses profissionais, desde nomes de cargos a termos técnicos relacionados as vagas. Por isso, é importante construir seu currículo nas plataformas digitais valorizando a inclusão desses termos.

Atualização  Não deixe de atualizar frequentemente as plataformas onde você mantém o seu currículo cadastrado, como o Linkedin, por exemplo. Outra dica é se manter ativo nas redes sociais onde existem vários grupos de vagas. Isso vai ajudar a
ser notado e aumentar também a sua presença na rede de buscas.

Concentração  Ao receber um teste, dedique tempo e concentração para respondê-lo. Seja ele técnico, de lógica ou comportamental, é preciso se organizar para fazê-lo com o melhor desempenho possível. Cada ferramenta tem uma razão de ser dentro da trilha de etapas da seleção.

Ferramentas  Explore o melhor que cada uma delas tem a oferecer. Seja por telefone ou videochamada, escolha um lugar tranquilo e organizado. Pense bem no discurso que vai usar e fique atento à sua postura e habilidade de argumentação. Mesmo que sem a presença física, tudo isso será notado  pelo recrutador e conta para avaliar pontos como organização ou comprometimento, por exemplo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here