Alexandre de Moraes diz que ‘Fake news não influenciaram eleição’

De acordo com Ministro do Supremo, as notícias falsas não prejudicaram ou ajudaram nenhum candidato no pleito.

0
36
Brasília - O ministro da Justica, Alexandre Moraes e a secretária Especial de Direitos Humanos, Flávia Piovesan entregam o Prêmio Direitos Humanos 2016 (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, afirmou nesta quarta-feira (10) que as “fake news” não causaram nenhum efeito de influência no pleito eleitoral mesmo com a força das redes sociais.

De acordo com ele, que também é membro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a prática não prejudicou nenhum candidato.

“Eu não acho que fake news teve qualquer influência nessa eleição, nenhuma, nenhuma influência. Não estou dizendo que as redes sociais não tiveram influência, isso por óbvio que ficou constatado. Agora, falar que fake news tirou um candidato, ajudou outro, eu sinceramente acho que não teve nenhuma influência eleitora”, disse.

Em contrapartida, o ministro condenou as suspeitas do candidato Jair Bolsonaro (PSL) de que as urnas estariam comprometidas por fraudes.

“Os dois finalistas, o partido dos dois finalistas, acabaram contestando a Justiça Eleitoral: o candidato Bolsonaro com essas absurdas declarações sobre a urna eletrônica, e o PT com aquela outra absurda ação dizendo que o cancelamento de títulos poderia prejudicar alguém”, criticou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui