Enfermeira é instruída a preparar seu testamento antes de atender pacientes com coronavírus; entenda

Amber Cowan, de 28 anos, desabafou sobre isso no Twitter.

0
50
Crédito da Foto: redes sociais

Uma enfermeira de Unidada de Terapia Intensiva (UTI), revelou que os próprios chefes do hospital onde trabalha lhe aconselharam a fazer um testamento antes de atender pacientes com coronavírus. Amber Cowan, de 28 anos, desabafou sobre isso no Twitter.

De acordo com o jornal Daily Mail, a jovem trabalha em um hospital em Glasgow, no Reino Unido. Ela escreveu na rede social, em inglês, essa semana: “Estou sendo avisada aos 28 a ter certeza de que tenho aposentadoria e outras coisas resolvidas. Primeiro turno da noite em terapia intensiva e temos poucos funcionários”.

Além dela, outro médico que, não quis se identificar, contou o mesmo à reportagem. “Se você não leva isso a sério, está condenando alguém a morrer potencialmente, como uma enfermeira que você não conhece”, disse ele.

Os hospitais da região onde os dois trabalham têm reclamado da falta de equipamentos de proteção e se queixado que o Serviço de Saúde Pública Britânica não está seguindo o recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.